SCBraga 2 - 3 Wolfsburg (Crónica)

Frente ao Wolsfurg a lição foi mal estudada e o Sporting de Braga sofreu uma derrota caseira por 2-3. Apesar de estar em vantagem por duas vezes, os pupilos de Jorge Jesus sofreram o tento que assinalaria a derrota já no tempo de compensação, assim como havia acontecido em San Siro frente ao ACMilan.
Nem mesmo o registo Europeu notável da actual temporada, a vitória frente ao Portsmouth e a excelente exibição em Milão, foram "experiência" suficiente para conquistar os 3 importantíssimos pontos que nos colocariam em situação favorável no grupo da Taça UEFA.
Estudado o adversário, era importante aumentar o caudal ofensivo da equipa e criar uma muralha defensiva para evitar males maiores, como os que sucederam na passada Quinta-feira.
O golo madrugador apontado por Meyong aos 5 minutos, num lance confuso mas finalizado com eficácia, fazia prever outro desfecho após o término do encontro.
Previsões à parte, num típico jogo com muito nervosismo à mistura, a formação Alemã acabou por ser bafejada pela sorte, contrastando com o azar do Sporting de Braga.
Numa noite gélida, os Bracarenses compareceram em número razoável ao Estádio AXA. Empolgados pelo apoio constante, os atletas de Jorge Jesus continuaram a carborar sempre a meio ritmo, mas sem sucesso, apesar de, como foi referido anteriormente, se ter encontrado duas vezes em vantagem no marcador.
O apuramento esteve tão perto mas foi adiado para a última jornada, com a deslocação ao reduto do Herenveen. O acesso à próxima fase ainda é possível, mas para tal é preciso haver empenho e dedicação como outrora se viu.
Reacções: 
  • PESQUISA

    ARQUIVO

    SEGUIDORES