Arsenal 6 - 0 SCBraga (Crónica / Reflexão)
O Sporting de Braga iniciou da pior forma a sua campanha na Liga dos Campeões. No Emirates Stadium, os Arsenalistas, de Braga, trouxeram na bagagem uma pesada derrota por 6 tentos sem resposta.
Relativamente ao jogo pouco ou nada há a acrescentar. A equipa entrou nervosa e não soube lidar com a pressão inicial do Arsenal. O resultado final é volumoso, mas não deve nunca, em circunstância alguma, ser motivo de regozijo por uns e de vergonha por outros. E é precisamente por esse caminho que vamos entrar, por isso, vamos abster-nos do jogo propriamente dito para dar espaço a essa temática.
A típica mentalidade, bacoca, do povo Português, esquece-se que o Braga, estreante, está nesta fase da competição, única e exclusivamente por mérito próprio. Todo o "sucesso" alcançado até agora é fruto de um crescimento sustentado e de batalhas que há muito vem sendo travadas, contra aqueles, que lenta ou impetuosamente, persistem em denegrir a nossa imagem e todo o trabalho em prol do Sporting Clube de Braga, quer como instituição propriamente dita, clube representativo da cidade e também a ligação de um forte contingente de Indefectíveis Braguistas.
Na prova mais importante dos clubes de futebol, em todos os jogos, há clubes que esmagam e outros que são esmiuçados; há aqueles que vencem sem percalços e há os que conquistam 3 pontos suados; há também os que lutam e os que nunca desistem, independentemente do orçamento ser incomparável e o estatuto representativo do clube em prova ser bastante elevado. Mas, novamente, o Português, perdendo ou vendo alguém perder por 6-0 (sim, saliento, 6-0 - não temos problemas em o afirmar) sente vergonha, goza, questiona-se como vai encarar as pessoas nos próximos dias e, ridiculamente, acha que para não sofrer mais qualquer tipo de desilusões o clube não devia continuar em prova. Estupidez ao mais alto nível!
Todo o percurso conquistado até agora (vitórias sobre Celtic e Sevilha, respectivamente) não nos vai ser retirado. Acima de tudo há que ter consciência das possibilidades (positivas e negativas), ser humilde e saber digerir as derrotas, seja à tangente ou por números elevados.
Se fomos goleados, é porque estamos em prova. No entanto e para quem menospreza/inferioriza/discrimina o Braga, que reflicta e conclua que se não levaram/levarão uma derrota pesada para casa perante um colosso Europeu como o Arsenal o é, é pela simples razão de que são pequenos demais para os enfrentar e não tem possibilidades para atingir a prova maior do futebol Mundial. Isto, vai direccionado para os pseudo-Ultras, repletos de mentalitá, que nos últimos dias nos tem inundado o sistema de comentários e a caixa de correio electrónico com comentários absurdos, incoerentes e despropositados, cujo principal intuito é o regozijo pessoal. Por isso, continuem com a mesma postura, de tacanhez e de falta de inteligência, enquanto nós demonstramos ao Mundo a nossa força (não, não é por estarmos na mó de cima - o mesmo aplicar-se-á caso o processo inverta), a força de Braga, do Braga, dos Gverreiros do Minho e dos Red Boys.
É com orgulho e convicção que defenderemos o símbolo que vocês, dentro de campo, ostentam ao peito.
Reacções: 
4 Responses
  1. Anónimo Says:

    Lindo!
    Espectacular!
    Soberbo!

    Vamos lutar, contra tudo e todos!!!


  2. Anónimo Says:

    somos únicos, e nada nos vai deitar abaixo! NADA!

    "Na derrota ou na vitória serás sempre a minha glória!" BRAGA SEMPRE!

    só perde que desiste e nós nunca vamos desistir!


  3. Anónimo Says:

    Se todos tivessem esta mentalidade...
    mas também toca a vocês começar a incuti-la. Ok?


  4. Anónimo Says:

    falamos em Mentalidade e vem um esperto copiar cenas dos outros!
    Nao somos unicos, somos dotados!

    RB92


  • PESQUISA

    ARQUIVO

    SEGUIDORES