SCBraga 2 - 1 Benfica (Crónica)
Mais uma noite épica no Estádio AXA, culminando num importante triunfo por 2-1 diante do Benfica. O pressing, os mind-games e os jogos de bastidores normalmente e inequívocamente expressos pela Comunicação Social, fariam prever um jogo à partida ganho pelo clube da Luz. Desenganem-se, o Braga está vivo e recomenda-se. A vitória, essa, veio assentar que nem uma luva e veio dar uma lufada de ar fresco no plantel para as próximas árduas e derradeiras batalhas. Assim sendo, a luta pelos lugares Europeus continua acesa (e ao rubro, diga-se de partida), com o Braga a ganhar vantagem sobre os mais directos adversários (isto baseado nos resultados desta jornada).
À semelhança do que se passou na temporada transacta, Domingos Paciência e os seus pupilos conseguiram dar uma resposta positiva e clarividente face às notícias facciosas e imparciais dos últimos dias.
Inicialmente em desvantagem, mas a proporcionar a cambalhota no marcador. Assim se deu início a uma noite de glória, com grandes momentos de futebol e com as bancadas ao rubro em prol de um ideal - o Sporting Clube de Braga.
O maremoto de maus resultados deu claro sinal de melhoria e a força anímica foi redobrando à medida que o tempo ia passando. Ganhar este jogo, dar ânimo ao plantel e partir na máxima força para o que resta do campeonato. Não será fácil, por ventura, pois são 7 cães a um osso, mas enquanto existir a 'possibilidade', jamais deitaremos por terra a oportunidade.
Nas bancadas o apoio não faltou. Aliás, nunca, outrora (e agora), os adeptos falharam à chamada.
Braga é do Braga, e o fanatismo elevado a extremos, como a Comunicação Social fez questão de apelidar, é uma chapada de luva branca a todos os que ousaram brincar com os sentimentos de um Indefectível Braguista. O respeito é muito bonito e recomenda-se.
Na defesa de um território, ontem, hoje e sempre!
Reacções: 
  • PESQUISA

    ARQUIVO

    SEGUIDORES